TESTAR E DEPOIS COMPRAR? STARTUP BRASILEIRA OFERECE SOLUÇÃO PARA A DÚVIDA

0
83

A dúvida na hora de adquirir um produto é algo que, muitas vezes, faz com que você desista. Outra situação recorrente é obter a mercadoria, usá-la, mas se arrepender, deixando-a de lado. Por esses motivos, empreendedores brasileiros criaram a Bluezup, um serviço que permite a você de testar o objeto antes de comprá-lo.

A startup foi montada por brasileiros no Vale do Silício. Após bons resultados e um processo de aceleração, chegou ao Brasil em agosto deste ano, sendo lançada em Curitiba, terra natal do fundador e CEO Diogo Ruiz. A próxima parada será Porto Alegre.

A dinâmica é simples: basta entrar no aplicativo, escolher seu produto, determinar uma data para o teste e, a partir de R$ 30, você o recebe. O período máximo de uso é três dias. Caso você goste e queira comprá-lo, ganha um desconto; se não gostar, é só devolver.

“Eu já deixei de comprar muita coisa com medo de me arrepender. Mesmo com uma política de retornos, todo brasileiro sabe o quanto é difícil tentar devolver um produto, até mesmo quando vem com defeito: muitas vezes, para evitar estresse, a pessoa não devolve e fica com o produto parado em casa”, afirma Diogo Ruiz.

Um dos objetivos da empresa é revolucionar a forma de consumo por onde passa. A startup também oferece aluguel de produto e venda de itens usados. Ruiz afirma que no Brasil a conversão de vendas de alguns produtos é de 41%, passando os EUA.

Como vou receber o produto?

O processo logístico é realizado a partir de parceiros – Blue Buddies – que são especialistas nos produtos e realizam as entregas para os interessados. Para se tornar um, basta se cadastrar no site da Bluezup.

A plataforma é uma spin-off da Asteroide, empresa de produção e distribuição de conteúdo audiovisual mundialmente conhecida. Um desconto foi dado aos leitores do TecMundo! Antes de finalizar o seu pedido, é só incluir o cupom “tecmundo” para recebê-lo.

Atualmente, a plataforma só aceita cartão de crédito como forma de pagamento. Nos Estados Unidos, já existe a possibilidade de pagar com Bitcoins.

Sobre a ANI – A Associação Nacional dos Inventores foi criada com o intuito de divulgar as invenções brasileiras, a fim de encontrar parceiros para colocá-las no mercado. Os inventores recebem todo o apoio comercial e jurídico na hora de registrar suas invenções e, também, na hora de negociá-las com possíveis empresas e investidores.

Sitewww.inventores.com.br

DEIXE SEU COMENTÁRIO